Virgílio Varela | Trabalho que Reconecta
17171
page-template-default,page,page-id-17171,ajax_fade,page_not_loaded,,side_area_uncovered_from_content,qode-theme-ver-16.8,qode-theme-bridge,qode_advanced_footer_responsive_1000,qode_header_in_grid,wpb-js-composer js-comp-ver-5.5.2,vc_responsive,elementor-default,elementor-kit-16902,elementor-page elementor-page-17171

Trabalho que Reconecta

vivendo as perguntas juntos

Como respondemos internamente ao sofrimento e destruição do planeta?

Qual pode ser o novo normal depois da pandemia?

Que práticas podemos explorar para lidar com o trauma colectivo?

O que contribui para a nossa separação e desconexão?

Que formas de poder alternativas existem no inconsciente colectivo?

Como a gratidão pode transformar as nossas relações?

O que acontece quando transformamos o desespero e deslumbre em acção colaborativa inspiradora?

O que podemos aprender com o conceito de Tempo Profundo (Deep Time)?

Que acções podemos criar que sustentam a Vida no planeta?

ESTE TRABALHO É PARA QUEM DESEJA

– Conhecer práticas que incluem o diálogo profundo, meditações, interações em pequenos grupos e dinâmicas de interconexão com a natureza.

– Compreender perspectivas extraídas da ciência dos Sistemas Vivos, da Ecologia Profunda, e das tradições espirituais que facilitam a nossa conectividade existencial com a Teia da Vida.  

– Experimentar um sentimento de comunidade, coragem e inspiração.

– Ter a oportunidade de partilhar com outros as suas respostas interiores à condição actual do nosso mundo. 

Despertar a resiliência para viver a plena Consciência da Grande Virada e abraçar a incerteza.

– Descobrir uma nova relação com o mundo.

– Ganhar motivação e ferramentas para servir e agir em benefício da grande comunidade da Terra.

Identificar pontos fortes e recursos que podemos mobilizar  para reflectir o nosso compromisso por um mundo mais belo, e que sabemos ser possível.

– Inspiração para transformar as nossas instituições, em benefício de todos os seres

– Aprofundar a nossa compreensão da relação uns com os outros, com outros seres na teia da Vida, com o passado e com o futuro.

– Ter planos e motivação para a construção de uma cultura sustentável e justa.

– Vivenciar práticas  que fortalecem a interdependência, a responsabilidade e inspiram a agir para uma mudança social e cultural radical rumo a uma sociedade que afirma a Vida.

o trabalho que reconecta

 O Trabalho que Reconecta foi criado há mais de 40 anos pela eco-filósofa Joanna Macy.  Tem como propósito  convidar as pessoas para um novo relacionamento com o mundo, empodera-las para que façam parte da Grande Virada e reclamem para si, as suas forças e recursos para contribuir para a regeneração do planeta

 

O Trabalho Que Reconecta é informado pela Ecologia Profunda, Pensamento Sistémico, Teoria de Gaia, e tradições espirituais (especialmente ensinamentos budistas e indígenas). O que existe de comum a todos estes temas  é uma visão não linear da realidade. 

 

O Trabalho que Reconecta é um conjunto de práticas desenvolvido para compreendermos melhor o nosso lugar no mundo e dar-nos uma visão de onde e como agir neste momento de transição global. 

O Chamado para o retiro Vivencial

30, 31 de outubro e 1 de novembro de 2020

“Agora é chegado o momento em que uma enorme coragem- moral e física – requerida dos Guerreiros de Shambhala, pois devem penetrar no coração dos poderes bárbaros para desmontar as suas armas(…)”  

Escutei um chamado interno e também colectivo que me motivou a procurar parceiros para esta viagem. Um Retiro vivencial sobre o Trabalho Que Reconecta para aproximar-nos da natureza e da nossa essência.

Este retiro foi especialmente desenhado para este momento de reconfiguração global que todos vivemos como uma forma de reclamarmos a nossa soberania e alinhamento com o futuro que queremos.

 

Convido-te a fazer parte deste encontro que emerge de um lugar de sede por troca, afecto e conversas olhos-nos-olhos. O desenho deste trabalho presencial pretende ser sistémico para  reerguer-nos, des(criarmos) o velho e comprometermo-nos na co-criação do novo, de dentro para fora.

   

“Agora os guerreiros de Shambhala sabem que essas armas podem ser desmontadas. Isso porque elas são Mano Maya – feitas pela mente. Se elas são feitas pela mente  e elas podem ser desfeitas pela mente humana. Os perigos que ameaçam a vida na Terra não são impostos a nós por alguma forma extraterrestre, deidade ou mesmo por um futuro predestinado. Eles surgem das nossas decisões, das nossas relações, dos nossos hábitos de comportamento e pensamento.” Joanna Macy

Local - Biovilla sustentabilidade

 

 

Espaço acolhedor e com uma energia que inspira e regenera. Foi criado para a inovação e união em prol das soluções colectivas para os desafios actuais do mundo. Localizado em Palmela, oferece-nos uma experiência vivencial de um mundo mais sustentável. 

Visita o site do projeto aqui: http://www.biovilla.org

 

 

“Temos, sobretudo, que aprender duas coisas: aprender o extraordinário que é o mundo e aprender a ser bastante largo por dentro, para o mundo todo poder entrar” Agostinho da Silva

 

 

PROGRAMA

Sexta (30)

Boas vindas – Apresentação Espiral Trabalho que Reconecta – Jantar

Sábado (31)

Check-in – Sessão Gratidão –  Almoço – Sessão Honrar a Dor – Jantar

Domingo (01)

Check-in – Sessão Ver com Novos Olhos –  Almoço – Sessão Seguir em Frente – Fecho e Celebração

Além dos conteúdos e das práticas, o programa poderá incluir meditações, dança, dramatização, trabalho com barro, momentos de exploração na natureza,  desenho, journalling e movimento. 

Todas as actividades visam conectar-te com a sabedoria mais profunda dentro de ti.

 

O QUE Está inclUÍDO

Facilitação do programa

Materiais

Hospedagem em quarto duplo

Alimentação (refeições e coffee-breaks)

Investimento

320€ + IVA